ePrivacy and GPDR Cookie Consent management by TermsFeed Privacy Policy and Consent Generator

Blog

Conheça as estratégias perfeitas para aumentar a margem de lucro!

23 de setembro de 2021

Na hora de colocar um negócio em prática, muitas dúvidas podem surgir. E a maioria delas estão ligadas às finanças, principalmente porque essa é uma área primordial para o sucesso do negócio. Uma das dúvidas principais está ligada à margem de lucro ideal. Será que é possível alcançá-la? Ou melhor, será que é possível formulá-la? Para responder esses e outros questionamentos, neste artigo vamos abordar as principais estratégias mais utilizadas por empresas no mercado para aumentar a margem de lucro. Continue lendo nos próximos tópicos.  

O que é margem de lucro?

Bastante indicado para analisar a saúde financeira de uma empresa, a margem de lucro deve ser sempre analisada e revisada. Basicamente, trata-se de um percentual obtido da relação entre o lucro bruto com a receita total do negócio. Ou seja, ela representa toda a porcentagem do preço de um serviço ou produto que, consequentemente, correspondem ao lucro do negócio. Quando falamos de lucro bruto estamos nos referindo a diferença entre o faturamento obtido por meio das vendas e os custos envolvidos. Já quando especificamos a margem lucro bruto, ela pode ser resumida como o percentual obtido da relação do lucro da empresa com a receita total. Além da margem de lucro bruto, existe também de lucro líquida, que representa todo o valor final após os abatimentos de custos como telefones, internet, despesas administrativas, impostos, etc. Em meio a isso, a margem de lucro tem como objetivo gerar lucros para a empresa, otimizar todos os processos de vendas de produtos e serviços. Isso por meio do cálculo dos custos envolvidos e dos acréscimos embutidos no preço final da venda. Ter uma margem de lucro é essencial para o sucesso de qualquer empresa, independente do tamanho ou ramo de atividade, uma vez que com ela é possível formular preços que não só cobrem os custos, como estejam alinhados com a realidade do mercado. E, antes que você comece a confundir, cada setor de mercado vai possuir uma margem de lucro diferente. Sendo assim, é fundamental alinhar as expectativas de acordo com o setor que seu negócio está inserido, sempre estudando a concorrência e conhecendo o perfil de compra do consumidor. Essa é uma estratégia bem eficiente para ganhar destaque.  

3 divisões da margem de lucro

Comumentemente a margem de lucro é dividida em custos, preço de venda e lucro. Confira o significado de cada um deles abaixo:
  • Custo: podem ser definidos como todo e qualquer valor que é investido para a criação do serviço ou produto que será vendido. Alguns dos custos mais comuns são: impostos, fretes, matéria-prima e todos os outros gastos envolvidos.
  • Preços de venda: trata-se de uma parte bem importante para todo processo de comercialização de produtos, principalmente porque é a partir dele que o negócio poderá ter lucros ou prejuízos no momento do lançamento dos produtos, ou serviços. Dessa forma, ao realizar uma precificação, o indicado é sempre estabelecer um preço justo de acordo com todos os custos envolvidos e perfil dos compradores. Uma vez que esses dois fatores são analisados, é possível chegar ao preço ideal.
  • Lucro: trata-se do percentual que a empresa receberá sob as vendas dos produtos ou serviços, sendo assim uma forma de retorno positiva para todos os investimentos feitos.
Agora que você já entendeu o conceito de margem de lucro e suas divisões, chegou o momento de entender as estratégias mais eficazes do mercado. Confira no próximo tópico.  

5 estratégias para aumentar a margem de lucro da sua empresa

Não fazer uma precificação correta dos produtos e serviços é um dos principais motivos que levam uma empresa à falência, segundo a Serasa Experian. Por isso, é sempre importante ficar de olho nas novidades do mercado para não ficar pra traz. Conheça algumas dicas de como fazer isso abaixo:  

Defina bem seu público-alvo

De nada adianta ter uma ideia de negócio perfeita se você não sabe para quem aplicá-la. Sendo assim, estude bem o seu público-alvo e saiba quem realmente estará disposto a adquirir os produtos ou serviços que você está oferecendo. Dessa forma será viável identificar a viabilidade do negócio e seu potencial de crescimento.  

Use a tecnologia ao seu favor

Nos dias atuais, investir em tecnologia não é apenas um diferencial, mas sim uma necessidade. Isso porque com as ferramentas ideais, todas as análises serão assertivas e, consequentemente, as tomadas de decisões também. Independente se você é adepto aos processos manuais, como anotações em cadernos, é bem impossível você conseguir aumentar o faturamento do seu negócio com processos obsoletos. Além disso, sem investir em tecnologia também é bem inviável alcançar espaço em meio à concorrência do mercado. Conte com o apoio de softwares como um sistema de gestão financeira integrado. Isso não só facilitará todo o processo do dia a dia, como reduzirá custos e aumentará a margem de lucro.  

Encontre seu diferencial

Várias empresas estão no mercado sem ao mínimo encontrar o seu diferencial. Esse é um problema bastante comum, mas que deve ser evitado. Independente se o modelo de negócio seja bastante eficiente, é preciso ir além e oferecer um diferencial para os clientes. Alguns questionamentos que você pode se fazer é: será que meu produto ou serviço vai além apenas de satisfazer dores ou necessidades? O que levará o público a comprar o que eu estou vendendo e não optar pela concorrência? Eu, como cliente, compraria a minha ideia? Com essas respostas, analise o cenário completo e, com certeza, você visualizará o seu diferencial no mercado.  

Faça redução de gastos

Não se trata apenas de eliminar o desnecessário. Reduzir gastos é excelente para ajustar o preço do seu produto ou serviço e deixá-lo mais atrativo para o mercado. Mas, como isso é possível? Reveja todos os custos que sua empresa adquiriu nos últimos meses e observe se eles realmente estão valendo a pena. Além disso, também analise o volume de compras mensal para saber se o volume do estoque está correto ou em excesso. Afinal, estoque parado é sinônimo de menos oportunidades de lucro. Com toda essa análise criteriosa você identificará quais ações serão mais assertivas e como elas impactarão o faturamento.  

Seja criterioso na hora de comprar

É bem lógico que toda empresa deseja vender, não é mesmo? Mas isso, por si só, não garante lucro. Saber comprar também é um diferencial para as empresas que buscam mais lucros. Isso porque com os fornecedores corretos, as chances de benefícios são bem maiores, uma vez que é possível adquirir um volume maior de mercadorias sem gerar tanto impacto financeiro. Sendo assim, na hora de testar todos os fornecedores não esqueçam de colher indicações e fazer pesquisas. Isso com certeza lhe ajudará no processo.  

Conclusão

Neste texto você aprendeu mais sobre margem de lucro, suas divisões e quais são as melhores estratégias para aumentá-la. Dessa forma, agora que você está por dentro de tudo, por que não aplicar também no seu negócio? Comece agora mesmo a colocar todas as estratégias em prática e perceba como elas são eficientes para empresas que buscam não só ocupar espaço, como ganhar destaque no mercado. Lembre-se: permanecer no mesmo lugar com as mesmas estratégias podem ser confortável, mas não aumenta sua chance de alcançar a margem de lucro ideal. Sucesso e até a próxima leitura!

PS Junior[email protected]

ANTERIOR TODOS SEGUINTE

Diagnóstico Gratuito
do seu Negócio

Há mais de 29 anos no mercado, especializada em projetos de consultoria em gestão, a PS Júnior entrega projetos de qualidade que potencializam os resultados do cliente através de soluções únicas.

Nossos Clientes

Durante os nossos mais de 29 anos de experiência em projetos, muita gente já acreditou no nosso trabalho.

  • Cadô
  • Carrier
  • Da Terra Filmes
  • Gerdau
  • Grupo RBS
  • Ipiranga
  • Me Salva
  • Midea
  • O Kido Ki
  • OP Services